Tap reorganiza operação do próximo Inverno

Conforme diversas notícias que nos últimos tempos circularam nos meios de comunicação social, sobre a possível diminuição de voos da Tap, recebemos hoje confirmação oficial da companhia do cenário para o próximo Inverno, o qual passamos a informar:

“A TAP vai reorganizar a sua operação a partir de Outubro, suspendendo pontualmente o número de frequências em algumas rotas com índices de ocupação mais reduzidos, uma acção integrada no plano de emergência desenvolvido para enfrentar a escalada do preço dos combustíveis.

Nenhum destino servido pela TAP será cancelado, tratando-se apenas de uma diminuição do número de frequências semanais em algumas rotas com índices de ocupação reduzidos nos meses de menor procura – Novembro, Janeiro, Fevereiro e Março. De fora destas reduções ficam os períodos do Natal e Ano Novo, bem como todos os voos domésticos.

No Longo Curso, as alterações serão distribuídas ao longo do período de Inverno e traduzem-se na suspensão, a partir de Lisboa, de uma frequência semanal para cada uma das cidades de Nova Iorque, Caracas, Recife e Natal e de duas frequências semanais para o Rio de Janeiro, totalizando um conjunto de seis voos por semana.

À partida do Porto, será suspensa uma frequência semanal para o Rio de Janeiro, uma para São Paulo e outra para Nova Iorque, num total de  três voos por semana.

Nestas rotas, a operação mantém-se com duas frequências semanais entre o Porto e o Rio, São Paulo e Nova Iorque e, à saída de Lisboa, com 10 voos para o Rio, sete para Nova Iorque, quatro para Caracas (sendo um via Funchal), seis para o Recife e quatro para Natal.

Para a Europa, a TAP suspende um total de 42 frequências semanais entre Lisboa e 16 cidades em Espanha, Suiça, Alemanha, Holanda, França, Itália e Bélgica.  Serão ainda suspensos nove voos por semana com partida do Porto e destino a cinco cidades em Espanha, Suiça, França e Reino Unido.

As suspensões nestas linhas de médio curso vão verificar-se em períodos específicos, de 3 a 30 de Novembro de 2008, de 12 de Janeiro a 15 de Fevereiro de 2009 e de 2 a 28 de Março de 2009. Exceptuam-se assim os períodos de maior procura, como por exemplo o Natal e Ano Novo.”