Viajantes vão pagar entre 50 e 100 euros por vacinas

Viajantes vão pagar entre 50 e 100 euros por vacinas, um artigo que vale a pena ler, retirado do Público:

“As vacinas obrigatórias para quem viaja para vários países estrangeiros, e que até agora tinham um preço irrisório, vão sofrer um aumento enorme a partir de segunda-feira. A vacina contra a febre amarela passa a custar 100 euros e, no caso das imunizações contra a febre tifóide, a meningite tetravalente e a raiva, o preço a pagar pelos viajantes será de 50 euros, quando até agora se ficava pelos 15 cêntimos.

Os novos preços decorrem da actualização das taxas cobradas pelos actos das autoridades de saúde pública, concretizada através de um decreto-lei ontem publicado no Diário da República.

Estas taxas não era revistas desde 1968, sublinha Etelvina Calvé, da Direcção-Geral da Saúde, para justificar esta subida tão expressiva. Mas por que razão é que os preços não foram actualizados? Ao longo dos anos, várias comissões de peritos tinham proposto a revisão das taxas, mas “o poder político não achou adequado” proceder à actualização, ao contrário do que agora aconteceu, explica Etelvina Calvé, que relativiza estes aumentos: “São actos muito específicos que abrangem uma franja muito pequena da população “.
As vacinas obrigatórias para quem viaja para vários países estrangeiros, e que até agora tinham um preço irrisório, vão sofrer um aumento enorme a partir de segunda-feira. A vacina contra a febre amarela passa a custar 100 euros e, no caso das imunizações contra a febre tifóide, a meningite tetravalente e a raiva, o preço a pagar pelos viajantes será de 50 euros, quando até agora se ficava pelos 15 cêntimos.”