CIDADES - ESCAPADELAS - MOSCOVO

MoscovoCapital da antiga União Soviética, centro do poder de uma das nações mais centralizadas do Mundo. Situada na Rússia Europeia, Moscovo espraia-se pelas margens do rio Moskva, ao qual deve o nome.

Capital da cultura e da educação do povo russo desde o reinado de Ivan, o Grande (1462-1505), não deixou de o ser mesmo quando, em 1712, Pedro, o Grande (1672-1725), mudou a corte e o governo para a nova capital, S. Petersburgo. Em 1918, os dirigentes da Revolução reinstituíram Moscovo como capital. A primeira referência à cidade surge nas crónicas russas em 1147. Em 1156, o príncipe russo Yuri Dolgoruky construiu nesse local um Kremlin de madeira - termo que significa cidade-fortaleza - ao redor do qual cresceu e prosperou uma cidade, centro das vias fluviais da Rússia. Em 1400, era capital de um florescente principado, também conhecido por Moscóvia, fundado em 1263 por Alexandre Nevsky (1220-1263). Este principado resistiu às incursões dos Tártaros e gradualmente absorveu alguns principados vizinhos, como Kiev e Novgorod. O grão-duque Ivan III (Ivan, o Grande) consolidou o Estado em 1480, conseguiu derrotar os Tártaros e sagrou-se czar de todas as Rússias. Em 1571, Moscovo foi tomada pelos Tártaros, e em 1610 parcialmente destruída pelos Polacos, mas sobreviveu, delapidada mas invicta, a dois grandes cercos: em 1812, pelos exércitos de Napoleão e, em 1941, pelas forças de Adolf Hitler.

A partir de 1918, a cidade desenvolveu-se rapidamente como centro de controle administrativo do país, e na década de 1930 conheceu um considerável impulso no sector da indústria pesada, com a implantação de fábricas de aço, maquinaria e automóveis. A reconstrução urbana iniciada na década de 1940, e os novos subúrbios para alojamento de trabalhadores e o estabelecimento de indústrias químicas, de papel, têxteis, produtos alimentares, mobiliário e electrónica dilataram os limites da cidade até uma estrada de circunvalação de 110 Km de extensão.

O coração de Moscovo ainda é o Kremlin, símbolo do poder e autoridade soviéticos. Ali, os antigos palácios reais e deslumbrantes zimbórios das catedrais dominam as muralhas de tijolo da Praça Vermelha, que encerra o mausoléu de Lenine e onde se assiste, no dia 1 de Maio, à demonstração do poderio militar soviético. As muralhas do Kremlin (1485-1495), sobranceiras ao Moskva, têm 2,3 Km de comprimento e 19 torres. No seu interior fica a Praça do Kremlin. Magnífico conjunto da arquitectura russa do século XV ao XVIII. As suas quatros catedrais e a igreja lembram que Moscovo é, desde 1326, a sede da Igreja Ortodoxa Russa.

Fora dos muros do Kremlin, edifícios, na sua maior parte cinzentos, flanqueiam as avenidas que irradiam do centro e são atravessadas por estradas circulares. Mas nessa paisagem lúgubre encontram-se mais de 120 museus e galerias, 35 teatros e salas de concertos, entre os quais avultam o Teatro de Ballet e dança Bolshoi, o Teatro de Moscovo e 75 cinemas. Nas colinas de Lenine, nas proximidades da cidade, ergue-se a Aldeia Olímpica, construída para os Jogos Olímpicos de 1980.

O QUE VER E FAZER?

Moscovo é uma cidade que conta histórias de príncipes e czares levando-o para um conto de fadas, onde os monumentos tão bem conservados tornam o conto quase real. A visita começa no Centro Histórico que alberga o Museu da História do Estado e as majestosas catedrais com as suas cúpulas douradas difundidas na própria beleza da cidade.

A Praça Vermelha com a sua maravilhosa Catedral de S. Basílio e o Teatro Bolshoi leva-nos para outros tempos, a beleza destes monumentos é inigualável. Na Praça Vermelha, poderá contemplar o Mausoléu de Lenin.

O Jardim Aleksandrovsky também merece uma pequena visita, uma vez que beneficia de uma grande beleza. Aconselhamos uma visita ao Kremlin, palácio-sede do Governo Russo entre 1276 e 1712 e de 1918 até hoje; é sem dúvida um dos marcos desta histórica cidade.

As Colinas de Lenin que oferecem magnificas vistas sobre a cidade, o Parque de Vitória que relata as Guerras de 1812 e 1941-1945 são marcos da cidade que não pode perder. O Mosteiro Novodevichy, construído em 1524 é também um ponto de visita obrigatório.

O Teatro Bolshoi foi reconstruído em 1998 devido a um furacão. Se estiver interessado, poderá assistir a um espectáculo de ballet ou de opera. Para terminar, sugerimos uma pequena passagem pelas diversas Estações de Metro que são de uma beleza incomparável.

Se desejar adquirir um guia de viagem do seu destino, visite a secção de Guias de Viagem.


PROGRAMA DE VIAGEM

1º Dia - Lisboa/Moscovo
Comparência no Aeroporto 90 minutos antes da hora prevista de partida. Formalidades de embarque e partida em voo regular com destino a Moscovo. Chegada. Transporte livre ao Hotel. Alojamento.

2º Dia ao Penúltimo Dia - Moscovo
Estadia no Hotel em regime de Alojamento e Pequeno-Almoço. Dias inteiramente livres para actividades de carácter pessoal. Possibilidade de efectuar diversas excursões facultativas.

Último dia - Moscovo/Lisboa
Comparência no Aeroporto 90 minutos antes da hora prevista de partida. Formalidades de embarque e partida em voo regular com destino a Lisboa. Chegada. Fim dos nossos serviços.



SUGESTÕES DE ALOJAMENTO

Moscow Marriott Grand Hotel Moscow Marriott Grand Hotel - 5 estrelas
Hotel extremamamente confortável, com 390 espaçosos quartos. Todos equipados com televisão, filmes pay-per-view, telefone, voice-mail, fichas para modems, ar-condicionado, cofre e mini-bar. Conta ainda com piscina, sauna, solário e health club. Localizado no centro da cidade, é um óptimo ponto de partida para conhecer a cidade.
   
Marriott Moscow Royal Marriott Moscow Royal - 5 estrelas
O mais recente hotel da cadeia Marriott em Moscovo, localizado no centro da cidade. Todos os quartos contam com telefone, ficha para modem, televisão com filmes pay-per-view, televisão por satélite, ar-condicionado, mini-bar, cofre e secador de cabelo. O Hotel conta ainda com uma piscina interior, solário e sauna.
   
National National - 5 estrelas
Hotel construído com a famosa arquitectura russa. Localizado no coração da cidade com vista para o Kremlin e Praça Vermelha. Todos equipados com televisão, telefone, voice-mail, ar-condicionado, cofre e mini-bar. Conta ainda com restaurante.
   
Gold Ring Gold Ring - 5 estrelas
Localizado no centro da cidade, próximo do Kremlin e da Praça Vermelha. Todos os seus 293 quartos contam com telefone, Tv satélite, ar-condicionado, mini-bar, cofre e secador de cabelo. O Hotel conta ainda com 3 restaurantes e bares. Dispõe ainda de “Health and Beauty Centre”.
   
Moscow Marriott Tverskaya Hotel Moscow Marriott Tverskaya Hotel - 4 estrelas
Localizado no centro de Moscovo, a curta distância do Kremlin e da Praça Vermelha. Inserido num edifício de 8 andares de estilo Art Noveau, conta com 163 elegantes e confortáveis quartos, todos com telefone, ficha para modem, televisão, mini-bar, ar-condicionado, secador de cabelo e cofre.
   
Hotel Radisson-Slavianskaya Hotel Radisson-Slavianskaya - 4 estrelas
Localizado no centro de Moscovo, junto da estação de metro de Kievskaya. Todos os seus quartos são bem equipados com ar-condicionado, televisão por satélite, rádio, telefone, mini-bar e secador de cabelo. O Hotel conta ainda com um solário, ginásio e sauna.
   
Hotel Cosmos Hotel Cosmos - 4 estrelas
Localizado muito próximo do centro, a 20 minutos do centro da cidade. Todos os seus quartos estão confortavelmente equipados, com casa de banho completa e televisão.
   


EXCURSÕES OPCIONAIS

Visita de Cidade, Kremlin, Museu das Artes Pouchkin, Galeria Tretiakov.



Para mais informações e/ou reservas de mini-férias em cidades europeias (ou combinações de cidades) contacte-nos.

Condições Gerais